quarta-feira, 24 de junho de 2015

A ciência da beleza - Melasma, Manchas e Hiperpigmentação / The science of beauty - Melasma, Spots and Hyperpigmentation

Chega o Verão. O povo põe-se todo a grelhar ao sol. Normal e moderamente saudável quando feito com moderação. Problema? Quanto mais apanham sol, mais se vê aquele bigode fantasma. Ou as adoráveis patilhas sombrias. Ou mesmo a mancha em formato de olheira, em cima ou abaixo dela. Todas adoráveis, nada bem-vindas e todas o mesmo: hiperpigmentação. Aqui estão as respostas a algumas FAQ:

O que o causa?

Hormonas, diz o melasma. Inflamação, diz a hiperpigmentação pós inflamatória (como após a acne ou alergias severas). Induzida quimicamente, diz o retinol e a hidroquinona. A tiróide, o stress oxidativo descontrolado quando expostos a factores oxidantes, os genes.

Quando e a quem pode aparecer?

Maioritariamente a mulheres. São mais susceptíveis ao melasma as mulheres que estejam grávidas, tomem contraceptivos hormonais, de qualquer tom de pele e tenham historial de manchas na família. Basicamente, a quase toda a gente, até aos fotótipos mais escuros! Pode aparecer em qualquer altura da vida, mas é mais provável que apareça na "meia-idade", pelo acumular de stress oxidativo.

Como se processa, concretamente?

A melanina (pigmento que nos dá cor), é produzida por umas células que se chamam melanócitos. A síntese da melanina é estimulada pelos raios UV-B e a nossa cor original é o nível basal dos nossos melanócitos (no meu caso, inertes, como a dona). Basicamente o objectivo da melanina é absorver os UV-B que atingem a nossa pele de forma a que estes não penetrem na nossa epiderme nem derme nem danifiquem o nosso DNA. Às vezes este mecanismo falha e dão-se manchas e poderá falhar numa tal extensão que o DNA é, de facto, modificado dando-se o melanoma.

A melanina parte de outra molecula que se chama tirosinase que sofre várias transformações, como podem ver no esquema abaixo. Em cada uma destas transformações que leva à melanina, esta pode ser parada.

Como tratar/prevenir?

- Se quisermos neutralizar a causa: anti-oxidantes;
- Para um efeito anti-inflamatório no momento em que os raios UV/hormonas/inflamação é despontada: hidrocortisona (usada na acne), fitosteróis, ácido glicirréínico, ácido azeláico
- Regulação negativa da tirosinase (para que não se transforme em melanina): retinóis;
- Inibição da glicosilação da tirosinase (semelhante ao anterior): glucosamina (percursor do ác. hialurónico);
- Inibição directa da tirosinase: hidroquinona, ácido kójico, arbutina, resorinóis e ácido ascórbico (vit C);
- Saída da melanina dos melanossomas: niacinamida, inibidores da protease;
- Decapagem ou esfoliação: ácido mandélico e glicólico.
- Mais importante que tudo é e será sempre: protector solar todos os dias!!

Provavelmente alguns destes nomes são vossos conhecidos, amanhã vemos onde é que já os viram!


http://www.nature.com/jidsp/journal/v13/n1/fig_tab/jidsymp20087f1.html - Image not mine

Summer is here. Everyone starts grilling in the sun like tomorrow is the end of the summer, which is normal and moderately healthy if you do it consciously. However, the more exposed you are, the more that awesome ghost moustache comes out. Or those sideburns you've always wanted or even those brown under eye circles. All super welcome on your face and all the same, although with different causes: hyperpigmentation. Here are some answers to some FAQ's regarding the subject:

What causes hyperpigmentation?

Melasma says it's hormones, inflammation, replies post-inflamatory inflammation (like acne scars and after severe allergies). Chemically induces, says retinol and hydroquinone (yes, the same one we use as treatment). Thyroid, uncontrolled oxidative stress, genes. No one can target a single cause for hyperpigmentation, that is why it is so difficult to treat and prevent.

When can it appear and to whom?

In the majority, to women, because we're just so lucky that our hormones are crazy. Pregnant women and those who take oral contraceptives are more likely to have it. It doesn't matter what color your skin is, hyperpigmentation isn't racist and there are some evidence that show that it is inherited. It can appear at any time of your life and is more likely to appear in your mid-30's/40's because of the cumulative oxidative stress.

So, how exactly does it appear?

Melanin, the pigment that gives us our unique color, is produced by melanocytes, pigment specific cells. The synthesis of melanin is stimulated by UV-B rays and our original color (winter color for most people) is actually our melanin basal level. The purpose of melanin is to absorb UV radiation and stoping it from penetrating into the deeper layers of skin, like the dermis, where it should damage the DNA. Sometimes this highly sophisticated mechanism fails and then we have spots but can also go horribly wrong and then melanoma appears.

Melanin is derived from another molecule called tyrosinase, which suffers various transformations into melanin, as you can see from the picture above. Each of these transformations can be stopped.

How to treat and prevent?

- If we want to neutralise the cause: anti-oxidants;
- For an anti-inflammatory effect (acne, hormones...): hydrocortisone, phytosterols, glycerrinic acid, azelaic acid;
- Downregulation of tyrosinase (stiping the transformation into melanin): retinols;
- Inhibition of tyrosinase glycosylation (similar to the one above): glucosamine (precursor of hyaluronic acid);
- Direct tyrosinase inhibition: hydroquinone, kojic acid, arbutin, resornols, ascorbic acid (vit C);
- Stopping the melanin from exiting the pocket where it is produced (melanossomes): niacinamide, protease inibitiors;
- And mooost of all: sunscreen every single day!

You are probably familiar with most of the names but stay tunned, tomorrow I'll tell you where you can find these!

5 comentários:

  1. Uma pequeníssima-íssima correção: contraceptivos ou anti-concepcionais, não anti-contraceptivos :)
    Muito informativo, adorei que colocasses aqui as vias de síntese da melanina.
    Beijinhos
    Ana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ai obrigada!! Que falhanço de escrita ahahah XD

      Eliminar
  2. Ontem à noite estava a ler isto já tinha vontade de ir aplicar protector solar :-P

    Começo a pensar que ganhei uma espécie de jackpot graças à minha incrível aversão a apanhar sol na cara - que tenho desde miúda, apanhar demasiado sol na cara ou na cabeça faz-me sentir fisicamente mal, acho que me baixa as tensões...

    ResponderEliminar
  3. E porque só entendendo a ciência básica por trás destes assuntos tomamos as melhores opções! Adoro o teu blog Mia!

    ResponderEliminar
  4. A mim foi mesmo o deixar de tomar a pílula quando decidi engravidar que me colocou um belo de um bigode... o que vale é que não é muito acentuado, mas desde aí sol direto e voluntário na cara, nunca mais!

    ResponderEliminar

Os comentários são sujeitos a aprovação, daí não aparecem logo em seguida a serem feitos mas, assim que os aprovar e ler, responderei. Obrigada pela opinião/dúvida/sugestão!